"COP26: aumenta o pessimismo. Guterrez (ONU) afirma que o objetivo de +1,5°C está “no fim da vida”, e Sharma adverte que “o tempo está se esgotando”

Mais Lidos

  • “Com Francisco cumpre-se a profecia de Arrupe”. Entrevista com Pedro Miguel Lamet

    LER MAIS
  • Somos todos aspirantes a cristãos. Entrevista com Paolo Ricca

    LER MAIS
  • Wim Wenders, Dias Perfeitos – 2023. Artigo de Faustino Teixeira

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Revista ihu on-line

Zooliteratura. A virada animal e vegetal contra o antropocentrismo

Edição: 552

Leia mais

Modernismos. A fratura entre a modernidade artística e social no Brasil

Edição: 551

Leia mais

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

12 Novembro 2021

 

O objetivo de manter o aumento médio da temperatura do planeta dentro de 1,5 graus está "no fim da vida". O secretário-geral da ONU, António Guterres, não busca desculpas sobre as negociações em andamento na COP26 em Glasgow; no entanto, quando faltam poucas horas para o encerramento da cúpula mundial sobre mudanças climáticas, ele espera que "até o último momento, a esperança se mantenha viva".

A informação é publicada por Repubblica, 11-11-2021. A tradução é de Luisa Rabolini

Apesar do acordo de colaboração sobre as metas entre os EUA e a China, considerado um passo importante, Guterres não vê um encerramento positivo para os trabalhos da Conferência: eles "muito provavelmente" não produzirão os empenhos de redução de CO2 necessários para permanecer abaixo do limite de 1,5 grau.

O presidente da COP26, Alok Sharma, é da mesma opinião: "O tempo para tomar decisões sobre as mudanças climáticas está se esgotando".

 

 

Leia mais

 

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

"COP26: aumenta o pessimismo. Guterrez (ONU) afirma que o objetivo de +1,5°C está “no fim da vida”, e Sharma adverte que “o tempo está se esgotando” - Instituto Humanitas Unisinos - IHU