O núncio na Alemanha também interrompe o Caminho Sinodal

Mais Lidos

  • Atividade, no formato live, será na terça, 05-03, a partir das 10h

    Influenciadores digitais católicos em debate no IHU

    LER MAIS
  • A identidade de católico, o Papa e o cristianismo de libertação versus a direita. Artigo de Jung Mo Sung

    LER MAIS
  • Francisco: pedi para realizar estudos sobre a ideologia de gênero, o perigo mais feio hoje

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Revista ihu on-line

Zooliteratura. A virada animal e vegetal contra o antropocentrismo

Edição: 552

Leia mais

Modernismos. A fratura entre a modernidade artística e social no Brasil

Edição: 551

Leia mais

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

13 Junho 2023

  • Foi no domingo passado, durante uma celebração religiosa na diocese de Aachen, onde o núncio na Alemanha, Nicola Eterović, participava de uma peregrinação. O diplomata não disse nada de novo, nem uma única linha que não faça parte da tradição da Igreja.

  • A verdadeira novidade é o lugar onde ele disse isso: a diocese pastoreada por dom Helmut Dieser, que repetidamente se pronunciou a favor de uma maior abertura da Igreja a essas questões de moralidade sexual e qualificou as associações homossexuais como "queridinhas de Deus".

A reportagem é de José Lorenzo, publicada por Religión Digital, 13-06-2023.

Foi no domingo passado, durante um serviço religioso na diocese de Aachen, onde o núncio na Alemanha, Nicola Eterović, participava de uma peregrinação. O diplomata não disse nada de novo, nem uma única linha que não faça parte da tradição da Igreja e que o próprio Vaticano não tenha reiterado nos últimos tempos como resultado das deliberações lançadas pelo chamado Caminho Sinodal Alemão.

Porque não há nada de novo em que Eterović, seguindo as palavras do Papa, diga que a atitude de "apagar a diferença entre os sexos" não é saudável, que o casamento só é possível entre um homem e uma mulher ou que "a Igreja Católica sempre Ele proclamou este ensinamento na fidelidade ao Senhor e se opôs aos antigos e aos novos ataques, e manteve-se firme em favor da família, que é a célula primordial da Igreja e da sociedade.

Na cabeça de Helmut Dieser

A verdadeira novidade é o lugar onde ele disse: a diocese pastoreada por dom Helmut Dieser, que repetidamente se pronunciou a favor de uma maior abertura da Igreja a essas questões de moralidade sexual, qualificou as associações homossexuais como “queridinhas de Deus” e disse em uma entrevista que “não havia 100% binário” na atribuição pessoal ao gênero feminino ou masculino, então não se pode mais dizer que existem apenas dois sexos, conforme relatado por kath.ch.

Nicola Eterović, núncio na Alemanha. (Foto: Religión Digital)

Dieser, um dos bispos mais combativos no tocante ao julgamento da pedofilia na Igreja alemã, é também um dos pastores que mais apoia o processo de reforma lançado pelo Caminho Sinodal, de quem alguns postulados (precisamente sobre questões morais, mas também na implementação de um Concílio Sinodal) foram enfaticamente contestados pelos cardeais Parolin, Ladaria e Ouellet, com o consentimento do Papa Francisco.

"Era de se esperar o núncio"

Portanto, interpreta-se que essas palavras do núncio são na verdade uma advertência ao bispo diocesano. E ele sabe disso, mas não parece afetar muito seu humor.

“[As palavras de Eterović] eram de se esperar. O núncio representa, e deve representar, a linha romana oficial", disse o bispo de Aachen à agência de notícias KNA. “Mas sempre dizemos mais algumas frases em alguns lugares. E esse é o ponto da discussão. É possível expandir o que já existe sem colocar em risco ou questionar?”, Helmut Dieser se perguntou.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

O núncio na Alemanha também interrompe o Caminho Sinodal - Instituto Humanitas Unisinos - IHU