EUA detém quase 100.000 migrantes em abril

Mais Lidos

  • Somos todos aspirantes a cristãos. Entrevista com Paolo Ricca

    LER MAIS
  • “O mundo da educação foi sobrecarregado e perturbado pelo surgimento do ChatGPT”. Discurso do cardeal José Tolentino de Mendonça

    LER MAIS
  • O “Filioque” e a história. Artigo de Flávio Lazzarin

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Revista ihu on-line

Zooliteratura. A virada animal e vegetal contra o antropocentrismo

Edição: 552

Leia mais

Modernismos. A fratura entre a modernidade artística e social no Brasil

Edição: 551

Leia mais

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

10 Mai 2019

Os Estados Unidos detiveram 98.977 migrantes ao longo da fronteira com o México durante o mês de abril, conforme informou esta quarta-feira a Administração do presidente norte-americano, Donald Trump. O número de detenções, quase 7% a mais que em março, é a cifra mensal mais alta desde 2007. Mais de 68% dos detidos são menores de idade ou pessoas que viajam com suas famílias.

A informação é publicada por El País, 09-05-2019.

Apesar do discurso anti-imigratório de Trump, a imigração ilegal duplicou em 2018, impulsionada pela crise de violência na América Central. Em seu combate contra a imigração, a Administração norte-americana obrigou os solicitantes de asilo a esperarem no México até que seus pedidos sejam tramitados, uma medida inédita. No fim de março, Trump chegou a ameaçar o México com o fechamento da fronteira se a onda migratória não fosse interrompida, mas se retratou dias depois.

Leia mais

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

EUA detém quase 100.000 migrantes em abril - Instituto Humanitas Unisinos - IHU