Cresce a importância da exploração de lençóis freáticos para o fornecimento de água no mundo

Mais Lidos

  • Varsóvia e Gaza: 80 anos depois, dois guetos e o mesmo nazismo... e a mídia finge não ver o Terror de Estado de Netanyahu. Artigo de Luiz Cláudio Cunha

    LER MAIS
  • Garimpo e barbárie: uma história de genocídio e de luta dos Yanomami. Artigo de Gabriel Vilardi

    LER MAIS
  • A 'facisfera' católica: jovens sacerdotes ultraconservadores que rezam no YouTube pela morte do Papa Francisco

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Revista ihu on-line

Zooliteratura. A virada animal e vegetal contra o antropocentrismo

Edição: 552

Leia mais

Modernismos. A fratura entre a modernidade artística e social no Brasil

Edição: 551

Leia mais

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

19 Abril 2022

 

Nos próximos 30 anos, o uso de água deverá crescer 1% ao ano. A projeção é da Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco) e foi apresentada em relatório preparado para o Dia Mundial da Água, lembrado em 22 de março.

 

A reportagem é de Edelberto Behs, jornalista.

 

Com essa perspectiva, ganha importância os lençóis freáticos, uma vez que a água disponível nas superfícies está cada vez mais escassa devido à mudança climática. Os lençóis produzem 99% da água doce do planeta. A Unesco lembra, no entanto, que esse recurso muitas vezes é “mal compreendido e desvalorizado”, também é “mal gerido e abusado”.

 

O relatório destaca que a qualidade dos lençóis freáticos é muito boa, via de regra, podendo ser usada de maneira segura e acessível, sem a necessidade de níveis avançados de tratamento.

 

Na atualidade, os lençóis freáticos fornecem metade do volume de água extraído para consumo doméstico. O potencial dos aquíferos é pouco explorado em regiões que poderiam mitigar a escassez da água. Enquanto no sul da Ásia 57% das terras agriculturáveis, e 59% na América do Norte, utilizam lençóis freáticos, na África Subsaariana esse aproveitamento abrange apenas 5% das terras.

 

O baixo aproveitamento desse recurso natural está relacionado, segundo a Unesco, à falta de investimentos em infraestruturas, no treinamento de profissionais e em conhecimentos sobre lençóis freáticos. Melhorar a maneira de utilização desses recursos é prioridade urgente para se alcançar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável até 2030.

 

Leia mais

 

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Cresce a importância da exploração de lençóis freáticos para o fornecimento de água no mundo - Instituto Humanitas Unisinos - IHU