Resistência do gado a antibióticos pode ser transmitida para os humanos

Mais Lidos

  • Varsóvia e Gaza: 80 anos depois, dois guetos e o mesmo nazismo... e a mídia finge não ver o Terror de Estado de Netanyahu. Artigo de Luiz Cláudio Cunha

    LER MAIS
  • A 'facisfera' católica: jovens sacerdotes ultraconservadores que rezam no YouTube pela morte do Papa Francisco

    LER MAIS
  • A fé que ressurge do secularismo e do vírus. Artigo de Tomáš Halík

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Revista ihu on-line

Zooliteratura. A virada animal e vegetal contra o antropocentrismo

Edição: 552

Leia mais

Modernismos. A fratura entre a modernidade artística e social no Brasil

Edição: 551

Leia mais

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

Por: Jonas | 20 Abril 2016

A Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação, FAO, está fazendo um alerta sobre um problema que afeta a saúde animal e também dos humanos: a resistência aos antibióticos.

A reportagem é de Leda Letra, publicada por Rádio ONU, 19-04-2016.

Ao lado da Organização Mundial da Saúde, OMS, a FAO promoveu um debate sobre o tema esta semana, na sede da ONU em Nova York. A vice-diretora da agência destaca que muitos criadores estão dando antibióticos para os animais sem nenhum tipo de controle.

Mortes

Maria Helena Semedo lamenta que em muitos casos, os medicamentos são administrados para prevenir e não para tratar uma infecção. Isso cria resistência antimicrobial não apenas no gado, mas nas pessoas que ingerem a carne desses animais.

"Isso cria resistência nos animais, mas mais do que isso: cria a transmissão dessa resistência dos animais para os humanos, quando consumimos essa carne. Também podemos ter essa resistência ao tipo de antibiótico com a qual o animal foi tratado. Nós temos visto casos em que humanos têm infecções e que não conseguem ser tratados, levando a casos de mortes porque não se consegue ter o antibiótico eficaz."

Maria Helena Semedo lembra que usar antibióticos sem necessidade resulta também na mutação de vírus e bactérias. Segundo a vice-diretora da FAO, a agência defende investimentos em pesquisas para a criação de novos antibióticos e reforço no controle do uso desses medicamentos.

Assembleia Geral

Para Semedo, o problema é muito complexo e importante, por isso, a resistência antimicrobial será tema de uma sessão especial da Assembleia Geral da ONU em setembro.

Segundo a OMS, a maioria dos casos de resistência está ligada a bactérias que causam infecção urinária e pneumonia.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Resistência do gado a antibióticos pode ser transmitida para os humanos - Instituto Humanitas Unisinos - IHU