Laudato Si'. Jornalista italiano é desacreditado junto à Sala de Imprensa do Vaticano

Mais Lidos

  • De Gaza à terra indígena Yanomami, os genocídios de nosso tempo. Destaques da Semana no IHU Cast

    LER MAIS
  • Boletim especial sobre as mulheres no mercado de trabalho

    LER MAIS
  • Por que o Vaticano tornou as bênçãos para casais do mesmo sexo um fato consumado

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Revista ihu on-line

Zooliteratura. A virada animal e vegetal contra o antropocentrismo

Edição: 552

Leia mais

Modernismos. A fratura entre a modernidade artística e social no Brasil

Edição: 551

Leia mais

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

17 Junho 2015

A Sala de Imprensa da Santa Sé, na manhã de hoje, 16-06-2015, publicou a mensagem endereçada por Federico Lombardi, SJ, a Sandro Magister, suspendendo, por tempo indeterminado, as suas credenciais de jornalista junto à Santa Sé.

Sandro Magister, é jornalista italiano, especializado em assuntos referentes ao Vaticano, e jornalista da revista italiana Espresso, que ontem, com três dias de antecedência publicou a íntegra da enciclica do Papa Francisco, Laudato Si' sobre o cuidado da casa comum.

Segundo a mensagem, "a publicação feita pelo senhor de um esboço da Encíclica do Papa, que estava sob embargo, representa evidentemente uma iniciativa incorreta, fonte de mal-estar para muitíssimos colegas jornalistas e de grave turbamento do bom serviço desta Sala de Imprensa".

A mensagem conclui com um seco "mi dispiace molto", ou seja, em tradução livre, "lamento muito".

Padre Lombardi, também no dia de hoje, 16-06-2015, anunciou que a encíclica  será apresentada no dia 18, quinta-feira, pelo cardeal Peter Kodwo Appiah Turkson, presidente do Pontifício Conselho de Justiça e Paz, o metropolita de Pergamo, John Zizioulas, representando o Patriarcado Ecumênico e da Igreja Ortodoxa, e o professor John Schellnhuber, fundador do Potsdam Institute for Climate Impact Research.

Estes nomes já tinham sido anunciados anteriormente.

Hoje, foi anunciado também a presença de Carolyn Woo, presidente do Catholic Relief Services. Ela foi decana do Mendoza College of Business, da Universidade de Notre Dame, EUA.

O porta voz observou que Woo estará presente como especialista em economia e administração. “Assim, teremos a presença, disse o padre Lombardi – de um teólogo, um cientista e uma economista para ilustrar os diferentes aspectos do texto”.

Veja também:

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Laudato Si'. Jornalista italiano é desacreditado junto à Sala de Imprensa do Vaticano - Instituto Humanitas Unisinos - IHU