A falta de um verdadeiro diálogo com os fiéis. A opinião de Jean Delumeau

Mais Lidos

  • Somos todos aspirantes a cristãos. Entrevista com Paolo Ricca

    LER MAIS
  • “O mundo da educação foi sobrecarregado e perturbado pelo surgimento do ChatGPT”. Discurso do cardeal José Tolentino de Mendonça

    LER MAIS
  • O “Filioque” e a história. Artigo de Flávio Lazzarin

    LER MAIS

Newsletter IHU

Fique atualizado das Notícias do Dia, inscreva-se na newsletter do IHU


Revista ihu on-line

Zooliteratura. A virada animal e vegetal contra o antropocentrismo

Edição: 552

Leia mais

Modernismos. A fratura entre a modernidade artística e social no Brasil

Edição: 551

Leia mais

Metaverso. A experiência humana sob outros horizontes

Edição: 550

Leia mais

09 Setembro 2011

O grande problema da Igreja Católica Romana é a falta de um verdadeiro diálogo.

A opinião é de Jean Delumeau, historiador francês especializado em história da Igreja, para o jornal francês La Croix, 07-09-2011. A tradução é de Moisés Sbardelotto.

Eis o texto.

O clero hoje tem diante de si uma classe instruída de leigos, que é tão culta quanto o clero, se não mais. Ele deve levar em conta a sua necessidade de se expressar, seus ideais democráticos. O grande problema da Igreja Católica Romana é a falta de um verdadeiro diálogo.

As dioceses convocam sínodos, mas adverte que certos assuntos não serão transmitidos a Roma. Mesmo as indicações das comissões no Vaticano não são seguidas pelo papa. A encíclica Humanae Vitae, em 1968, foi um exemplo disso. Essa encíclica esvaziou as igrejas. O fato de manter os fiéis à margem explica essa hemorragia. Hoje, a Jornada Mundial da Juventude é uma bela manifestação, mas não é um lugar de diálogo.

Comunicar erro

close

FECHAR

Comunicar erro.

Comunique à redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

A falta de um verdadeiro diálogo com os fiéis. A opinião de Jean Delumeau - Instituto Humanitas Unisinos - IHU